febraro

ㅤ ㅤㅤ de

oliveira

nasceu em Campo Grande em 1998.
É escritor e professor de poesia. Publicou três livros do gênero, entre eles Uma festa para o fim do mundo (2020), vencedor do Prêmio Leia MS e do Prêmio de Reconhecimento Popular, na categoria Livro do Ano.
Seu romance de estreia, Uirapuru, foi publicado em 2021.

água viva
clarice lispector

não que pudesse ser outro, desse, repetiria Água Viva aqui seis vezes. em Água Viva a literatura é desimaginada, a linguagem torcida no fugaz, naquilo que escapa. coloco ele aqui, pois, foi o meu espanto de conhecer Clarice, em Água Viva me tropeço em existência.

carta ao pai
franz kafka

Carta ao Pai, logo em seu começo, nos enfrenta: "querido pai, você me perguntou recentemente porque eu afirmo ter medo de você." a palavra, pra mim, está no jogo entre o dito e o não-dito, a roda do indizível. quando me assumi de sexualidade, Carta ao Pai, era a minha mesma solidão, a minha palavra.

poesia completa
manoel de barros

porque posso pensar a beleza como um poema que delira. em Manoel, há uma chance para a coisa ser algo além dela mesmo. nele, consigo tirar a literalidade das coisas, subverter a linguagem. Manoel, e isso é segredo, morava 3km da casa minha. queria ter apertado o interfone dele, brincadeira de criança pra deixar rastro.

grande sertão: veredas
guimarães rosa

isso é, em si, um roubo. e me explico: coloco aqui porque, nas vezes em que leio, começo a chorar no primeiro parágrafo. o discurso inicial - nonada. tiros que o senhor - pronto: o pranto na retina, o soluço. não há nada mais belo, nada mais impossível. nunca li inteiro, é meu roubo.

Uma Aprendizagem ou O Livro dos Prazeres
clarice lispector

me reconheço muito em Lóri. porque não sei o que é o amor e, em Lóri, esse meu medo de amar e ser amado, de me reconhecer no outro. a dificuldade para entender o que é felicidade. a fuga - eterna - de mim, meu desejo barrado, minha formiga de vida.

No fundo do oceano, os animais invisíveis
Anita Deak

em No fundo as palavras todas trazendo o imaterial, o mágico, o impalpável. a linguagem e o desejo se confundindo. em No fundo, tenho chance de compor com a autora, em uma criação coletiva de língua. a palavra nossa descentralizada.